Big Banner Plamev

Dick Johnny

Valmir Freitas de Oliveira, produtor musical, radialista, escritor. Conhecido entre os artistas, jornalistas e amigos, como Dick Johnny.

Trabalhou muitos anos em gravadoras multinacionais a exemplo da Philips Poligram, BMG, Ariola, RCA Victo,r entre outras. Como divulgador dessas gravadoras, foi responsável, na Bahia, pelo sucesso dos cantores: Caetano Veloso, Fafá de Belém, Maria Bethânia, Mercedes Sosa, Zizi Possi, Tonho Matéria, Geraldão, Sidney Magal, Elis Regina, Joana, Ricardo Chaves, Armandinho Dodô e Osmar, Waltinho Queiroz, Amado Batista, Peninha, Fernando Mendes, Luzia Santana, Silvia Patrícia, Luís Caldas, Luís Gonzaga, Chacrinha entre outros. Experiência essa que possibilitou conviver, profissionalmente, durante muito tempo com esses artistas, gerando vínculos de amizade.

Dick Johnny determinava o roteiro das rádios, o hotel onde ficariam hospedados e, até mesmo, com quem o artista iria almoçar ou jantar. Sendo assim, passava o dia todo em companhia do artista, visitando as rádios, jornais e TV.

No ano passado Dick Johnny recebeu o título de Doctor Honoris Causa, pela Universidade Corporativa das Américas – UNI-A, pelos serviços prestados à Música Popular Brasileira.

Além de produtor musical, Dick foi produtor de TV, assumindo, a convite de Alexandre Seixas e Carlos Borges, o Programa Conversa de Botequim, que marcou época.

Atualmente assume a Presidência da Associação dos Profissionais e Amigos da Comunicação no Estado da Bahia. Há 08 anos promove a entrega do “Troféu Amigos da Imprensa”, concedido a radialistas; jornalistas; operadores de som; autoridades; repórteres; artistas; cientistas políticos e representantes religiosos. O evento é realizado anualmente, no mês de dezembro, no Clube Fantoches da Euterpe.

Dick já plantou uma árvore, colheu os frutos e agora vai espalhar as sementes através do seu mais novo projeto: Os Bastidores do Rádio na TV – No Tempo do Vinil.

O Livro conta as trajetórias, transformações e o surgimento de talentos que elevam o nome da Bahia, no cenário musical. Revisado pelos competentes jornalistas, Eduardo Bastos e Reginaldo Santos, tem a orelha assinada, pelo poeta; compositor; cantor; jornalista e empresário Raimundo Lima, com depoimentos de vários amigos.

A obra retrata os áureos tempos das rádios AM, em uma época em que essas emissoras faziam parte do dia a dia das famílias baianas e, o seu lançamento oficial, reunirá as maiores estrelas da música do tempo do Vinil, que contribuíram para construção do passado, presente na produção musical dos Bastidores do Rádio“.


Por: Rhosy Luna -Produtora Cultural
(71) 98194 8295

WP to LinkedIn Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: