728X90 SERASA EXPERIAN

Domingos Fernandes Calabar

Nasceu e morreu na cidade de Porto Calvo (Alagoas) por volta de 1600. Teve um papel destacado na invasão dos holandeses. Mulato educado por jesuítas, prosperou chegando a ser dono de três engenhos.

Os holandeses foram expulsos da Bahia em 1625, mas voltaram em 1630 aos mares de Pernambuco. O governador Matias de Albuquerque dispunha de poucas tropas e pequena quantidade de armas para defender a região, Olinda foi dominada pelos holandeses. Albuquerque funda o Arraial do Bom Jesus, próximo de Olinda e Recife e foco de resistência aos holandeses.Com a invasão, Calabar lutou pela expulsão do inimigo, sendo que em 1630 foi ferido no Arraial de Bom Jesus quando o defendia.

Por cinco anos os holandeses não conseguiram dominar a região dos engenhos, que tanto queriam, devido aos lucros que gerariam. A luta de guerrilhas favorecia o lado luso-brasileiro, mas esta situação inverteu-se a partir do momento em que Calabar, profundo conhecedor da região, passou a ajudar os holandeses, fornecendo-lhes auxílio e informações. Foi nomeado major do exército holandês. Os holandeses tomam novo impulso e o domínio holandês ampliou-se, arrebatando Recife e Olinda.

Em 1635 foi aprisionado quando trazia reforços para atacar Porto Calvo, foco da resistência dos brasileiros. Acredita-se que foi enforcado neste mesmo ano. Também em 1635 Matias de Albuquerque desistiu de lutar e retirou-se para Alagoas acompanhado por suas tropas.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: