Armando Correa

Somos Criativos

Ao longo da vida pode-se observar um alto grau de criatividade empregado em diferentes circunstâncias. Ser criativo é uma característica humana, que encontra expressão desde a infância, sem limite de idade para continuar o seu funcionamento.

Vê-se claramente o uso da criatividade para resolver muitos problemas que surgem de última hora, como os domésticos. Na rotina do lar encontra-se o uso corrente da grande fonte criativa, cujo funcionamento ocorre automaticamente mediante um simples arame que se quebra e necessita ser reposto ou consertado. Para estes fins usa-se, comumente, o método G.A.M.B. Ele é simples e eficaz quanto aos seus resultados.

Este método de se resolver os problemas de forma criativa e sempre disponível nas horas mais difíceis, é a prova incontestável de que as pessoas desenvolvem e aplicam a sua criatividade ao buscar soluções práticas para os obstáculos diários. O nome original deste método é G.A.M.B.I.A.R.R.A. Apesar de não ser um sistema ideal do ponto de vista da qualidade e do aperfeiçoamento tecnológico, ele é prático e resolve as questões que poderiam durar mais tempo e causar prejuízos de toda ordem.

Ainda que de maneira informal, a criatividade é uma capacidade disponível e deve ser empregada sempre, pois ela faz parte do nosso desenvolvimento. No entanto, questiona-se a sua pequena utilização na vida profissional. No trabalho, os colaboradores mantêm-se parados mediante situações problemáticas e não acionam o seu já conhecido método de resolver problemas criativamente. É claro que há diferenças. Existem equipamentos que só podem ser consertados com peças originais de reposição, etc. Porém, a criatividade é pouco estimulada ou utilizada no ambiente de trabalho. O medo de se expor para um público crítico dificulta a aplicação prática de muitas capacidades tipicamente humanas, inclusive a criatividade.

Muitos problemas demoraram a ser resolvidos ou nem foram solucionados em virtude da falta de coragem das pessoas em assumir o seu papel criativo. Quantas oportunidades ficaram para trás, apenas pelo medo de fazer uso daquilo que já é tão bem conhecido: a criatividade. Tenha orgulho de sua experiência e do potencial que faz uso. Todos somos criativos!

Sobre o autor

Armando Correa de Siqueira Neto

Armando Correa de Siqueira Neto

Armando Correa de Siqueira Neto
CRP 06/69637
Psicólogo, consultor, conferencista e escritor.
Professor de Gestão de RH da Faculdade de Administração de Limeira/SP.
Professor de Pedagogia Empresarial pela Faculdade Maria Imaculada de Mogi Guaçu/SP
Mestrando em Liderança pela Unisa Business School.
e-Mail:
Colaborador do Jornal Portal de Lauro

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto:
/* ]]> */